As Melhores Atividades Físicas Para Cães Idosos

Assim como nós, humanos, os cães também requerem atenção especial à medida que vão envelhecendo.

As necessidades de um filhote, um cão jovem e um de idade já avançada são completamente diferentes. Portanto se você tem um idosinho em casa, preste atenção nas dicas de hoje.

Atividades físicas para cães idosos

A velhice nos cães varia de acordo com o tamanho e o porte de cada um:

  • Cães de porte pequeno (até 10kg) são considerados velhos a partir dos 8 anos de idade e podem viver até os 16 anos.
  • Cães de porte médio (até 25kg) são considerados velhos a partir dos 7 anos e vivem até os 13 anos mais ou menos.
  • Os cães grandes (até 40kg) são considerados velhos a partir dos 6 anos e podem viver até 10 anos.
  • Já os cães gigantes, que pesam mais de 41kg, têm uma expectativa de vida de 9 anos e entram na velhice a partir dos 5 anos.

À medida que o seu amigo vai ficando mais velho, ele fica menos ativo e tende a fazer menos atividades físicas.

Porém é importante que ele se mexa um pouco para evitar que suas articulações fiquem atrofiadas e para manter os ossos, músculos e sistema cardiovascular em bom estado.

Clique Aqui e veja como ter um cão super saudável

Atividades físicas para cães idosos que você mesmo pode fazer

Atividades físicas para cães idosos

Existem três tipos de exercícios que vão beneficiar os cães em processo de envelhecimento:

  • exercícios de movimentação articular passiva;
  • exercícios para a manutenção do equilíbrio e a circulação dos fluídos corporais;
  • exercícios para o fortalecimento dos músculos dos membros.

Os exercícios de movimentação articular ajudam não só os cães idosos, mas também aqueles com dificuldades de mobilidade.

O animal deve ficar deitado de lado, numa posição confortável, e cada membro deve ser flexionado e estendido gentilmente por mais ou menos 10 segundos.

Cuidado para não forçar demais as articulações do seu companheiro.

Os exercícios de equilíbrio precisam oferecer um certo grau de dificuldade estimulando o cão a se alongar, se posicionar corretamente e manter o equilíbrio.

Use petiscos para agradá-lo sempre que conseguir atingir o objetivo.

Assim a atividade fica prazerosa para o cão. Tente fazer com que o cão mantenha a posição de 10 a 30 segundos e faça com que ele caminhe sobre obstáculos.

Mas atenção, esse exercício não pode ser doloroso ou exigir muito esforço do cão, respeite as limitações do seu pet.

“Descubra Como Aumentar a Expectativa de VIDA do Seu Cachorro em Até 8.3 Anos a Mais que a Média Esperada”

Atividades físicas para cães idosos

Os exercícios de fortalecimento muscular em cães velhinhos devem estar focados nos grandes músculos, portanto uma boa ideia é fazê-lo caminhar de lado.

Segure a coleira com uma mão e a outra apoie no quadril do animal. Dê um pequeno passo na direção dele, forçando-o a dar um passo para o lado sem ir para a frente.

Comece o exercício com 3 a 5 passos de cada lado até que ele consiga dar de 10 a 15 passos sem dificuldade.

Outro exercício interessante é fazer com que ele suba planos inclinados ou estimular seu cão a sentar e levantar algumas vezes (use petiscos para ajudar).

No final da prática, faça uma bela massagem no seu amigo. A massagem feita regularmente ajuda a manter o tônus muscular e reduzir a flacidez que chega com a idade.

Os músculos ficam mais soltos e fazem com que o animal se movimente de maneira mais fácil e confortável.

Os cães mais velhos tendem a desenvolver artrite e a massagem ajuda também a diminuir a rigidez articular decorrente desse tipo de doença.

Cuidados básicos com um cão idoso

Atividades físicas para cães idosos

A cama de um cão idoso deve ser feita com um material grosso e quente, pois isso irá diminuir as dores da artrite e evitar que se formem escaras, aqueles engrossamentos dos cotovelos e calcanhares.

Se o seu cão está instável, ou seja, se ele cai com facilidade ou tem dificuldade para se movimentar, instale portas de segurança e mantenha-o longe de escadas.

Melhore a iluminação dos ambientes, pois os cães idosos possuem a visão e o olfato comprometidos.

É bom colocar tapetes antiderrapantes em pisos escorregadios caso o seu cão tenha artrite, esteja com músculos enrijecidos ou com as pernas bambas.

E se ele estiver com dificuldades para manter o equilíbrio, deixe as tigelas com comida e água em um patamar elevado.

Descubra Os Terríveis Segredos Da Bilionária Indústria De Ração Para Cachorros — Eles Gastam Milhões Para Garantir Que Você Nunca Descubra A Verdade

As Melhores Atividades Físicas Para Cães Idosos
5 (100%) 1 vote