7 curiosidades sobre Buldogue Francês que você Precisa saber Agora Mesmo

A Raça Buldogue francês é conhecida por ser bastante tranquila, atenciosa e muito companheira. 

Também é dócil, e se da muito bem com crianças e outras pessoas, devido a seu jeito brincalhão e amigável.

É inegável o quanto eles gostam de uma boa diversão, e são ótimos cães de companhia.

Bulldog ou Buldogue?

Os dois estão corretos, mas a palavra Bulldog é a forma de escrever em inglês (english bulldog, french bulldog), e a palavra Buldogue é a maneira como escrevemos em português (buldogue inglês, buldogue francês).

Origem

O Buldogue Francês foi criado para ser um cão de companhia, e desenvolve muito bem esse papel. 

Ele é muito apegado ao seu tutor e precisa de companhia sempre para ser feliz.

Se você trabalha o dia todo fora e pretende deixar ele sozinho em casa, talvez você deva considerar adquirir outra raça.

De preferência uma que seja mais independente e que não irá sofrer tanto com a sua ausência. 

Se sozinhos por muito tempo acabam ficando agitados, e podem desenvolver comportamentos destrutivos, como roer, morder e até comer objetos por exemplo.

Tudo vai depender da criação que você dará a ele. Com o passar do tempo e crescimento esses tipos de comportamentos tendem a diminuir.

O Buldogue Francês é uma raça criada a partir do Buldogue Inglês ( que é muito maior e mais pesado

Ao contrário do que imaginamos, ele não surgiu na França, mas também na Inglaterra.

E diga-se ainda que foi através de artesãos que queriam um Buldogue pequeno para ser um cão de companhia .

Mais tarde então eles teriam migrado para a França, onde ficaram famosos e acabaram sendo conhecidos como Buldogue Francês, ou como “Frenchie”.

Hoje, os Buldogues Franceses são excelentes cães de companhia, e um dos cães mais especiais que existe. 

Sua carinha engraçada e seu temperamento divertem as pessoas, então é impossível passear com um Frenchie sem chamar atenção.

Expectativa de vida 

Se você não pode ter um cão bem cuidado durante toda a sua vida, não deveria ter bulldog francês, pois ele é extremamente apaixonado pelo seu tutor.

Especialistas afirmam que cachorros pequenos estão entre as raças que possuem uma maior longevidade. 

Não sabe-se  a razão específica para que eles vivam por mais tempo, mas eles possuem uma “menor incidência de doenças genéticas e órgãos mais resistentes.

Geralmente pode se calcular o tempo de vida dos cães através do porte deles, mas logicamente que isso não é uma regra, e sim apenas uma estimativa, confira abaixo um exemplo: 

  • Cães pequenos (até 10 kg) – vivem entre 9 e 13 anos
  • Cães médios (de 11 kg a 25 kg) – vivem entre 9 a 11,5 anos
  • Cães grandes (26 kg a 45 kg) – vivem entre 8 a 10,5 anos
  • Cães gigantes (acima de 45 kg) – vivem entre 7,5 a 10 anos.

Todos os cães que mantém suas vacinas em dia, são vermifugados corretamente , são ativos e tem uma Alimentação Natural consequentemente terão uma longevidade bem maior que a maioria dos outros cães.

Conheça o Método Da Alimentação Natural Canina que irá melhorar a Saúde do seu Cão

Com os devidos cuidados, um cachorro pode alcançar uma idade superior àquela informada na tabela acima, tudo vai depender do conjunto de fatores já mencionados.

A expectativa de vida de um Buldogue Francês é de 10 a 12 anos geralmente, tudo irá depender dos cuidados, alimentação e condições genéticas.

Condições Física

Todo e qualquer cachorro pode desenvolver uma doença ou problema relacionados a sua saúde, assim como nós, humanos. 

Mas os principais problemas de saúde dos buldogue Franceses estão relacionados à sua respiração, pois são braquicefálicos

Ou seja, assim como o Pug, ou qualquer outro cão que tenha o focinho curto/achatado. 

Exercícios físicos de alta intensidade não são indicados para essa raça de cães por um longo período de tempo. 

Uma outra limitação que você pode ter com um cão dessa raça, são viagens aéreas, devido aos seus problemas respiratórios.

Um dos problema mais grave que afetam os Frenchies é o câncer, mas esse tipo de problema é muito raro de acontecer, o mais comum são problemas relacionados ao sobrepeso. 

O que o Cachorro pode Comer – Saúde, Alimentação e Dicas

Em geral cães de porte grande tendem a apresentar com mais frequência dificuldades respiratórias, complicações cardíacas e problemas nas costas e vértebras.

A temperatura também é algo para se estar em alerta quando se tem um buldogue francês, pois acima de 25ºC já é quente para ele.

 Os buldogues sofrem facilmente de hipertermia e não é difícil ver um bulldog passando mal nas clínicas em dias quentes. 

Para passeios, o ideal é sempre pela manhã, ou bem no final da tarde, quando a temperatura já está mais fresca e agradável.

Características

O Buldogue Francês é um cão de pequeno porte, ou seja, “troncudo”. Não deve passar dos 35 cm e de cerca de 14,5kg mais ou menos.

É uma raça super indicada para quem mora em lugares pequenos, ou apartamentos por exemplo.

Conforme explica a CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia):

O Bulldog Francês é um molossóide de pequeno porte, compacto em todas as suas proporções, de pelo curto e com uma cauda naturalmente curta.

Ele deve ter a aparência de um cão ativo, inteligente, muito musculoso, de estrutura compacta com uma sólida ossatura. 

Nenhum ponto é exagerado comparado aos outros, o que poderia destruir a harmonia geral ou dar ao cão uma aparência disforme de gênero ou de movimento.

As principais cores dos frenchies são fulvo, tigrado, branco com manchas pretas e azul (cinza).

Normalmente apresentam certas dificuldades em entender e obedecer a comandos. 

Possuem uma personalidade teimosa, que pode ser agravada caso o tutor não adestre-o corretamente.

Mas felizmente esse tipo de comportamento não é o suficiente para causar problemas mais graves.

Buldogues Franceses são bastante carentes e gostam muito de ficar com ao lado da sua família humana. Por isso, não podem ser criados fora de casa. 

Assim como todos os cães com focinhos achatados, os Buldogues também costumam roncar bastante, quase que o tempo todo.

Habilidades

São muito espertos, alegres e bagunceiros, e sempre darão sinais com seus latidos sobre algo que está acontecendo. 

Você com certeza pode confiar, ele só ladra quando realmente é necessário, então fique alerta.

Podem ser um pouco resistes quanto a companhia de outros cães, mas nada que uma boa adaptação não resolva.

O importante é fazer a adaptação corretamente, observando e encorajando a interação pacificamente.  

Apesar de toda energia que possuem e que certamente precisa ser gasta, ele não é dado a longos passeios . 

Como sua respiração é ofegante, é bom que ele não seja exposto a atividades extremas.

Convivência

Prepare-se para momentos de extrema alegria, pois buldogues são animados engraçados, divertidos e brincalhões.

Costumam fazer amizade amizade com quem estiver por perto em um piscar de olhos. 

Quando criados com crianças se tornam seus melhores amigos e são super protetores.

É um cão super sociável e com certeza vai correr atrás de qualquer um que estiver disposto a brincar e fazer um cafuné nele.

Não se assuste se o seu Buldogue passar boa parte do dia dormindo ou tirando algumas sonecas. 

Pois eles adoram um bom cochilo, e eles com certeza vão te avisar quando estiverem cansados de dormir e precisarem de um belo passeio para gastar energia.

Apesar de poderem parecer um pouco teimosos, são bastante inteligentes e irão aprender comandos que você der com bastante facilidade. 

Para a socialização, utilize técnicas de reforço positivo para garantir que o aprendizado seja mais efetivo.

Vale lembrar que qualquer cão, independente de raça ou tamanho, certamente desenvolverá hábitos destrutivos se não forem estimulados da maneira correta. 

Por isso, muitas vezes é válido que você o adestre de maneira correta. 

Confira nosso artigo: Como treinar o cachorro em casa – Dicas, passo-a-passo, sugestões

Alimentação

A alimentação tem papel fundamental no desenvolvimento e na saúde de qualquer pet.

Por isso que todos os tutores devem sempre escolher de forma consciente e atenta a melhor alimentação para o seu Buldogue francês! 

Você sabia que uma alimentação inadequada pode prejudicar a saúde do seu melhor amigo?

Sendo assim é interessante saber o que o cachorro pode comer e também como manter a alimentação dele cada vez mais saudável.

Aprenda a como Aumentar a Expectativa de VIDA do seu Cachorro em até 8 Anos a Mais que a Média Esperada

Comidinhas de qualidades são capazes de manter todo o organismo do pet em ordem, com por exemplo ossos, dentes, pelagem e unhas saudáveis.

Em dúvida quanto a isso? Entenda porque os alimentos naturais ainda são a melhor escolha para o seu cão:

Há quem seja cético quanto a ideia de dar alimentos naturais a seus cães e permitir que eles tenham uma alimentação mais saudável, acreditando que as rações industrializadas são o mais adequado.

No entanto essa ideia está errada, já que essas rações contêm produtos como conservantes e são feitas de restos de alimentos.

Você já parou para pensar quanto tempo essa ração leva desde sua produção até chegar à sua casa?

O alimento natural pode ser preparado na hora e seu cão certamente irá gostar. Por exemplo, arroz para cachorro é saudável e eles gostam bastante.

Pode ser dado juntamente com polenta, que ajuda o cão a ganhar peso e energia.

Então se a sua dúvida é por que dar alimentos naturais aos cães, a resposta é simples: 

Se para nós humanos o melhor é investir naquilo que é natural e cortar os industrializados, porque razão isso não seria ideal também para o seu cão?

Antes de surgirem as rações industrializadas e dos animais ganharem o status de pets, as pessoas os alimentavam com o que tinham em casa, muitas vezes alimentos produzidos no próprio quintal.

Os cães eram mais saudáveis devido a essa alimentação natural e estavam menos expostos a doenças como o câncer e as alergias.

Sendo assim, não há dúvidas de que esse é o melhor alimento para o seu melhor amigo.

Se você quer receitas para o seu cão e descobrir o que o Cachorro pode Comer e ser saudável?

CLIQUE AQUI 

7 curiosidades sobre Buldogue Francês que você Precisa saber Agora Mesmo
5 (100%) 1 vote