3 Receitas Fáceis e Rápidas para seu Mascote e o Melhor: Com pouco Investimento

Da mesma maneira que acontece com os humanos, os cães podem sofrer com uma má alimentação e ficarem doentes. 

Quando existe um  desequilíbrio nutricional, o pet pode acabar desenvolvendo diversas doenças.

Problemas de uma Má Alimentação Canina

Oferecer uma alimentação balanceada interfere diretamente não só na qualidade de vida do seu cão, mas também na longevidade dele.

Quando se tem um pet, você é 100% responsável pela vida dele, além de proporcionar afeto e segurança para ele. 

Sendo assim, cuidar da alimentação deles é ponto fundamental para que todos esses fatores ocorra.

Todo tutor alguma vez na vida acabou comprando ração mais barata, para economizar, é claro, mas também achando que não tem nenhuma diferença entre elas.

Porém atitudes assim pode comprometer seriamente a saúde do mascote,  já que a má alimentação está associada a diversas doenças. 

Esse fato ocorre porque, quando o cão não recebe refeições completas, ele deixa de receber todos os nutrientes necessários para viver. 

E com o tempo, a alimentação incorreta passa a comprometer severamente a saúde dele fazendo-o adoecer.

A longo prazo, a falta de nutrientes provoca danos irreversíveis que poderão levar à morte precoce do seu cão.

Dizem que somos aquilo que comemos e no caso dos nossos cães, não é diferente, e esse ditado também pode ser aplicado.

 Clique aqui , e descubra Como Aumentar a Expectativa de VIDA do Seu Cachorro em até 8 Anos a Mais que a Média Esperada.

Então, nós devemos ter a obrigação de prestar bastante atenção no que está sendo oferecido para nosso pet, para evitar que ele desenvolva alguma das doenças abaixo. 

Estas são algumas das mais comuns:

  • Alergias
  • Diarreia
  • Inflamação do esôfago
  • Gastrite
  • Obesidade

E lembre-se, uma má alimentação a longo prazo pode causar danos irreversíveis à vida do seu bichinho de estimação. 

3 Receitas para por em Prática ainda essa Semana

Que tal aprender algumas receitas deliciosas para o seu cãozinho? Todo mundo adora de dar uma variada no cardápio de vez em quando e isso inclui nossos filhos de quatro patas.

É importante lembrar que a alimentação está ligada diretamente à saúde, cada organismo pode reagir de um jeito. 

Um cão pode ter uma restrição alimentar que outro não tem, então você deve ficar atento a isso.

Você pode usar  essas receitas como um petisco, ou como recompensa, por exemplo.

A única dica é ficar atento ao equilíbrio dessas refeições. Com os cookies, por exemplo, o ideal é oferecer apenas um por vez, como recompensa. 

E quanto menor o porte do cão, menor deve ser a quantidade. Confira então na galeria 03 receitas saudáveis para preparar para seu cachorro:

#1 – Cookies para Cachorro

(*Receita do Mais Você)

Ingredientes:

  • 135 g de cenoura ralada ou processada
  • 10 g de salsinha fresca picada
  • 200 g de arroz integral cozido e frio
  • 100g de aveia em flocos
  • 130g de farinha de arroz
  • 10g de farinha de linhaça dourada
  • 1g de canela em pó
  • 75g de banana nanica sem casca
  • 30g de óleo de coco
  • 50g de ovo
  • 10g de melado de cana

Modo de preparo:

  • Em uma tigela misture 135 g cenoura ralada ou processada com 10 g salsinha fresca picada e reserve. 
  • Coloque em um processador 200 g arroz integral cozido e frio, 100 g aveia em flocos, 130g farinha de arroz, 10 g farinha de linhaça dourada, 1 g canela em pó e bata bem até ficar homogêneo. 
  • Adicione 75 g banana nanica sem casca, 30 g óleo de coco, 50 g ovo, 10 g melado de cana e bata até formar uma bola. 
  • Acrescente a mistura de cenoura com salsinha e bata rapidamente. 
  • Desligue o processador, transfira a mistura para um filme plástico, enrole e leve para gelar por 1 hora. 
  • Em uma superfície lisa, fria e enfarinhada com farinha de arroz abra a massa com a ajuda de um rolo. 
  • Em seguida corte no formato desejado. Coloque os biscoitos em uma assadeira e leve para assar em forno médio preaquecido a 180°C por cerca de 30 minutos para ter biscoitos macios ou 40 minutos para biscoitos mais crocantes.
O Guia Completo de Frutas que o Seu Cachorro Pode Comer

2# Ensopado Canino de Aveia 

Ingredientes:

  • 150 g de farinha de aveia
  • 250 g de carne vermelha ou branca moída ou picada em pedaços pequenos
  • 60 g de legumes cozidos (cenoura, ervilhas, feijão verde ou abobrinha)
  • Azeite de oliva extra-virgem 1 colher de sopa
  • 1 colher de chá de casca de ovo em pó
  • Água.

Modo de  Preparo:

  • Ferva a carne e legumes em um litro de água sem sal.
  • Quando cozido, retire a carne e os legumes com uma peneira e adicione a aveia ao caldo ainda quente.
  • Tampe e deixe ferver por 10-15 minutos.
  • Adicione a carne moída ou em cubos, os legumes e uma colher de azeite.
  • Misture tudo e sirva ao seu cão.

Dica: Cozinhe os legumes rapidamente, para não perder as propriedades nutricionais. 

Faça uma papa para o organismo de cachorro aproveitar os nutrientes completamente.

#3 Muffin para Cachorro

Ingredientes:

  • ½ xícara de mel
  • 2 xícaras de farinha
  • 1 ovo
  • 3 colheres de chá bem cheias de pó de alfarroba
  • 2 colheres de chá de fermento em pó
  • 1 e ½ xícaras de água quente
  • 1 colher de chá de baunilha
  • Leite o tanto necessário para obter uma massa densa
  • 12 pequenos biscoitos caninos (para confeitar/opcional)

Modo de preparo:

  • Preaqueça o forno a 180°C. 
  • Em uma tigela, misture todos os ingredientes, exceto os biscoitos caninos. 
  • A mistura deve ter uma aparência muito grossa. 
  • Unte as forminhas com azeite de oliva e farinha de trigo e encha até 2/3 de sua capacidade. 
  • Asse por 10 minutos ou até formar uma crosta na superfície. 
  • Retire as forminhas do forno e pressione com firmeza um biscoito canino em cada cupcake. 
  • Coloque os bolinhos no forno até que, ao inserir um palito no bolinho eles saiam limpos. 
  • Deixe esfriar e guarde na geladeira. 
  • Esta receita dura aproximadamente 7-10 dias em geladeira.

Confira O Guia Completo de Frutas que o Seu Cachorro Pode Comer

A melhor Alimentação Para Cães

Boa parte dos problemas de saúde é causada pelos maus hábitos dos pets e seus tutores, principalmente quando o assunto refere-se a alimentação. 

Por isso, os cães saudáveis ou que apresentam algum problema, se beneficiaram muito com uma alimentação natural (AN).

Nada como uma comidinha caseira não é mesmo? A AN é composta por ingredientes de alto valor nutricional.

Alimentação Natural (AN) possibilita que esses nutrientes e vitaminas sejam absorvidos pelo organismo em maior quantidade, melhorando o sistema imune do pet e prevenindo o surgimento de infecções e doenças.

Além disso, ela possui 70% de umidade, e isso ajuda a proteger o sistema urinário e renal do seu pet. 

Clique aqui e Conheça o Combo do Cachorro Super Saudável

É também composta por alimentos frescos e da estação do ano, sendo ricos em nutrientes, e livre de aditivos químicos.

Como conservantes, corantes, palatabilizantes e outros componentes artificiais que podem ser  fonte de patologias dos pets.

Os benefícios da boa alimentação são percebidos com rapidez, o pelo do animal fica mais saudável, ele ganha mais energia.

Na hora de montar o cardápio deve ser levado em conta a idade, peso, porte e condições de saúde específicas do animal (por exemplo, se é alérgico). 

De antemão, saiba que uma boa alimentação deve conter proteínas, lipídios, carboidratos moderados, vitaminas, minerais e fibras. As proporções variam de acordo com o seu cão. 

Evite oferecer o resto das suas refeições, pois isso contribui muito para a má alimentação , além das comidas serem normalmente muito gordurosas e possuírem condimentos que fazem mal à saúde dos cães. 

Além disso, não tem nenhum dos nutrientes necessários para a saúde canina e só fará o animal aumentar de peso.

São estes os principais nutrientes que o seu cão necessita:

  • As principais proteínas provenientes da galinha, vaca, porco, cordeiro ou algumas das suas variantes, como farinhas, por exemplo. Esses componentes são essenciais para os cachorros.
  • Os lipídios são insubstituíveis, já que são uma fonte de energia muito importante.
  • Os carboidratos não são tão necessários, mas contêm energia. 
  • A ingestão em excesso pode ser prejudicial e poderá levar o nosso animal de estimação ao sedentarismo e à obesidade.
  • A fibra é necessária para um bom funcionamento intestinal. Todas as vitaminas e minerais presentes nas refeições são bem-vindos.

Esses são alguns dos conselhos que você deve considerar ao proporcionar uma alimentação adequada para o seu animal de estimação.

O Perigo da Ração Industrializada

Você já parou para pensar o que realmente vai na ração em que oferece para seu o cachorro?

Ou alguma vez já leu nos rótulos das rações quais são os seus ingrediente?

Independente da marca que você compra, os ingredientes são basicamente os mesmos. Confira:

  • BHA e BHT: Ingredientes presentes em quase todas as rações são substâncias derivadas do petróleo também usadas como conservantes e antioxidantes em produtos de estéticas (humano).

Segundo a Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC) o BHA (2,3-terc-butil-4-hidroxianisol) é um forte cancerígeno e é usado nas rações.  

O BHT (2,6-diterc-butil-p-creso) é um dos causadores de infecções sistêmicas. Existem muitos estudos sobre os riscos dessas substâncias.

Essas substâncias podem aumentar os níveis de colesterol e prejudicar a absorção das vitaminas A e D.

PARE HOJE MESMO DE DAR RAÇÃO PARA SEU CACHORRO

Neles encontram-se a presença do herbicida Glifosato 2,4D, também apontado pela Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer (IARC) como possível índice cancerígeno para animais e humanos.

Existe no milho uma provável contaminação por micotoxinas (geradas por fungos) causadores tóxicos do sistema renal e hepático, e também responsável pelo desequilíbrio hormonal, mutação genética e grandes índices de riscos cancerígenos.

  • Corantes: Corantes são químicos usados nas rações que na maioria das vezes são motivos de alergia para os cães.

Os corantes não passam de “um enfeite” para chamar a atenção, pois as maiorias dos tutores acham que rações bem coloridas são sinônimos de qualidade e de ingredientes naturais, o que não passa de uma grande mentira.

Obviamente que quanto mais coloridas forem as rações aumentam as quantidades de aditivos químicos e corantes,  caindo drasticamente na qualidade das mesmas.

As que possuem menos corantes são as mais indicadas, porém ainda continuam sendo um “alimento” industrializado e não natural.

As rações surgiram em torno de 153 anos e foram inventadas na Inglaterra por James Spratt, em 1860, era uma combinação de  biscoito de farinha de trigo, vegetais e sangue de animais.

Segundo paleontólogos para uma espécie se adaptar à nova dieta leva em média cerca de 100 mil anos. 

Apesar de os cães terem 5 tipos de dentes diferentes,nenhum deles são feitos para moer alimentos.

Alimentos que são descartados para uso humano são usados na fabricação das rações e muitos dos ingredientes aqui usados são proibidos na Europa, porém as leis Brasileiras permitem o uso dessas substâncias nas rações caninas.

Em outras palavras, dosar matematicamente os nutrientes individuais não é tão importante quanto os fabricantes de rações industrializadas nos querem fazer crer. 

Dada a dificuldade em interpretar o rótulo de alimentos para os cachorros e acima de tudo, claro, saber a origem das matérias-primas, há muita gente que opta por uma deliciosa comida caseira, com ingredientes frescos e saudáveis.

Portanto, uma ração feita em casa, pode fazer muito bem para seu cachorro.

Desde que você prepare esta ração com o cuidado necessário para não por em risco a saúde de seu cachorro, ao contrário, elevando ao máximo a qualidade dos ingredientes contidos nela.

Então para não correr esse risco, e se você assim como nós, se preocupa com o que seu filho de quatro patas está comendo, indicamos o Combo do Cachorro Super Saudável.

 clique aqui , e descubra Como Aumentar a Expectativa de VIDA do Seu Cachorro em até 8 Anos a Mais que a Média Esperada.

Esse é o único programa de dietas e dicas baseado 100% em uma alimentação natural e caseira para você ter um cachorro ainda mais saudável e podendo viver até 134% a mais que a expectativa média da raça.

3 Receitas Fáceis e Rápidas para seu Mascote e o Melhor: Com pouco Investimento
5 (100%) 1 vote